-ca desculpe quessa tuálha é minha.

-ái na é não! questa qué minha ca cumprei ali do cigano.

-olhe ca tá inganada. dê lá a tualha fáxavôre.

-issé quéra bom…

atão na é ca nha maria pérde a panciênça carranca a tualha á força ca mulher dá cum sanfanão.

á cum catano ca nha maria na vai demodos e ca tranca cum supápo dos qeuixos da outera caté ficou á banda. qué assim mêmo. gustei daperciáre ca nha maria inda tém genica da guélrra.

-ó besberto cagente vai imbora queu na posso vêre a gaija á ferente quela inda onte tentô rapináre o boné co da lója das tintas móferceu.

á males ca vém por bém. qué oje queu vô imbora.

Anúncios